Perfil:
Luís Augusto


Arquivos:

Amigos (0)::



26/10/2014 às 15:24

DIZ A SRA  ELLEN G. WHITE (O "ESPÍRITO DE PROFECIA") DA (IGREJA ADVENTISTA): QUE MOISÉS PASSOU  
CONFIRA AS PASSAGENS NA BÍBLIA ONLINE

Postado por Luís Augusto


Diz a Sra EG White (O "Espírito de Profecia" ) da"(Igreja Adventista): que Moisés passou pela morte, mas Cristo desceu e lhe deu vida antes que seu corpo visse a corrupção. Satanás procurou reter o corpo, pretendendo-o como seu; mas Miguel ressuscitou Moisés a levou-o ao Céu... Satanás maldisse amargamente e Deus, acusando-o de injusto por permitir que sua presa lhe fosse tirada; Cristo, porém, não repreendeu a Seu adversário, embora fosse por sua tentação que o servo de Deus houvesse caído. Mansamente remeteu-o a Seu Pai, dizendo: "O Senhor te repreenda" (EG White, Primeiros Escritos, Editora Casa Publicadora, Tatuí – SP; 1995, pág. 164)

Refutação:

Dois erros doutrinários se encontram nessa declaração de EG White:

Miguel ressuscitou Moisés, sendo que Jesus é que ressuscitará os mortos por ocasião da sua volta que ainda não se deu. 1 Tessalonicenses 4:16-17 " Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro.
Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor".

1 Coríntios 15:51-54 "Eis aqui vos digo um mistério: Na verdade, nem todos dormiremos, mas todos seremos transformados; Num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados. Porque convém que isto que é corruptível se revista da incorruptibilidade, e que isto que é mortal se revista da imortalidade. E, quando isto que é corruptível se revestir da incorruptibilidade, e isto que é mortal se revestir da imortalidade, então cumprir-se-á a palavra que está escrita: Tragada foi a morte na vitória".

                                                                    
 



Comentários



Comentar post:

Nome/Apelido:


Email:


Comentário:



Não foi encontrado nenhum comentário!